Ultimas...
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

terça-feira, 12 de setembro de 2017

Zonas Eleitorais com sede em Santa Cruz iniciam revisão biométrica extraordinária no fim deste mês


As 16ª e 68ª Zonas Eleitorais, que são sediadas em Santa Cruz, estão nos preparativos finais para o período de revisão biométrica extraordinária que acontecerá em cada município que compõe as zonas.


Este é o prazo que a população deve ficar atenta para realizar a biometria eleitoral e ficar em dia com as obrigações da Justiça Eleitoral, e ter acesso ao pleito do próximo ano sem maiores transtornos.


O cronograma já foi montado e, em parceria com as prefeituras locais, que cederam os espaços para realização da biometria extraordinária, a ação começará já no final deste mês em alguns municípios.


Em Santa Cruz a biometria acontecerá de 28 de setembro a 27 de outubro, na sede do Centro de Referencia Especializado em Assistência Social (CREAS). Em Santa Cruz, 12 técnicos do Tribunal Regional Eleitoral, ou contratados, estarão a disposição diariamente para o procedimento.


Em Jaçanã a biometria começa no dia 27 de setembro e segue até 10 de outubro e acontecerá na Câmara Municipal de Vereadores. Em Japi, a biometria começa em 28 de setembro e vai até o dia 11 de outubro, acontecendo na sede do antigo PETI.


Em Campo Redondo a biometria vai de 27 de setembro a 11 de outubro e acontecerá no Centro Administrativo. Em Coronel Ezequiel, a biometria extraordinária será do dia 14 ao dia 27 de outubro na Câmara de Vereadores.


Em Lajes Pintadas, o período de biometria será de 14 a 27 de outubro e será realizada no novo Centro Administrativo da cidade. E em São Bento do Trairi, a biometria será de 14 a 27 de outubro na sede da Secretaria Municipal de Assistência Social.


Em todos os municípios o horário e os dias de atendimento são os mesmos: de segunda a sexta-feira das 9h às 16h e no sábado das 8h às 14h.


Uma das grandes orientações da Justiça Eleitoral é para a documentação do eleitor. Ele deve ficar atento a regras que foram trazidas neste processo de revisão biométrica para que garanta, o mais fidedigno possível, que o eleitor possa comprovar residência onde vota.


O eleitor deve ficar atento a este prazo, pois ele sendo encerrado o título é cancelado e, por consequência, o CPF do eleitor também fica inativo, o que pode causar sérios transtornos a população.


Nas sete cidades, mais de 40 mil eleitores devem passar pela revisão biométrica e ficar em dias com a exigência da Justiça Eleitoral para manter direitos, especialmente o de votar.
Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © Blog do Joseilson