Ultimas...
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Padre condenado por pedofilia em Ipanguaçu é excomungado






O Tribunal Eclesiástico da Cúria Metropolitana de Natal excomungou o padre José Irineu da Silva, 42 anos, seis anos após ter abusado de um menino de dez anos, na sacristia da Capela de São José Operário, no Distrito de Arapuá, em Ipanguaçu. A decisão do arcebispo de Natal, Dom Jaime Vieira Rocha, é a primeira envolvendo um padre denunciado por esse tipo de crime.

O crime ocorreu no dia 28 de abril de 2011 e, segundo consta nos autos do processo criminal em tramitação no TJRN sob nº 00002241920118200163, o padre teria aproveitado de um momento a sós com o menino para
apalpar-lhe nas partes íntimas. “O Sr. José Irineu da Silva, ora denunciado, ao ouvir em confissão o vulnerável (identificação mantida em sigilo), com dez anos de idade, orientou que este se ajoelhasse de costas, logo após colocou-o no colo, e posteriormente lhe colocou em pé, baixando-lhe a roupa, tocou suas partes íntimas — a genitália e os testículos; passou a mão em suas nádegas, deu um beijo (…).”

Em agosto do ano passado, Irineu da Silva foi condenado em decisão do juiz Marivaldo Dantas de Araújo, da Comarca de Ipanguaçu, a oito anos de prisão em regime fechado, resultado da denúncia oferecida pelo Ministério Público Estadual. Ele recorreu e aguarda em liberdade uma decisão da Segunda Instância do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte. O processo criminal, no entanto, está concluso ao relator desde o último dia 12 de junho.

Postagem mais recente Postagem mais antiga Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Copyright © Blog do Joseilson