Contrate a melhor banda forrozeiro do RN!

Contrate a melhor banda forrozeiro do RN!

Festa do Ano no Fama Casa Show


propaganda

Facheiros Motel

Mundial Fashion


QUEREM FICAR PERFEITOS ENTÃO O LUGAR CERTO É NA MUNDIAL FASHION. CAMISETA BÁSICA 24 REAIS MUNDIAL FASHION SHOPPING TRAIRI CENTER SANTA CRUZ RN

Vende-se terrenos; últimos lotes


Açougue AM Carnes

Açougue AM Carnes

Publicidade

Store Multimarcas


Espaço Confecções


sexta-feira, 7 de outubro de 2016

Seleção Brasileira dá espetáculo e atropela a Bolívia em Natal

O nível subiu. O espetáculo veio. Tite tem motivos de sobra para perder o sono de tanta felicidade. O Brasil jogou muito, sobretudo no primeiro tempo, e atropelou a Bolívia por 5 a 0, nesta quinta-feira, pela nona rodada das Eliminatórias, na Arena das Dunas, em Natal.
A Bolívia está longe de ser potência, mas o time brasileiro mostrou uma desenvoltura muito grande, sendo dono do jogo, encurralando o adversário e deixando o torcedor eufórico. Teve até grito de "ole, ole, ole, Tite, Tite” vindo das arquibancadas. A liderança ainda não foi conquistada, já que o Uruguai ganhou na rodada. Mas o alcance da ponta da tabela na corrida por uma vaga na Copa de 2018 parece questão de tempo.
No show brasileiro, Neymar foi protagonista. Fazendo de tudo um pouco. Inclusive levando cartão amarelo e ficando suspenso para o próximo jogo, contra a Venezuela. Mas vou me ater à parte boa. Ou melhor, à parte excelente. Com 10 minutos, marcando pressão, ele roubou a bola, tabelou com Gabriel Jesus e chegou ao gol 300 da carreira. Parece fácil, né?


O espetáculo do Brasil teve mais um número de tirar o fôlego. Foi pelo lado direito, em jogada envolvente, culminando com um passe de Giuliano para Philippe Coutinho, que a Seleção chegou ao segundo gol. Ótimo para ambos, que estrearam como titulares com Tite.
Ainda tinha mais coisa para acontecer no primeiro tempo. Neymar apareceu de novo para deixar Filipe Luis na cara do gol. O lateral concluiu com perfeição. Neymar completou o repertório de assistências da noite retribuindo o favor a Gabriel Jesus, ainda no primeiro tempo: 4 a 0.
Neymar? Só saiu do jogo no segundo tempo, depois de ter levado uma cotovelada no rosto, que lhe tirou sangue. Mas como estará suspenso, já não estaria à disposição de Tite.
Naquele momento, o Brasil já tinha quebrado o jejum de goleadas por pelo menos quatro gols, que durava desde 2005, quando fez 5 a 0 no Chile. Mas quem disse que o quinto não veio em Natal? Foi com Roberto Firmino, que entrou em campo sob o grito “Vai, Safadão”, por causa da semelhança do cabelo com o do cantor “1% vagabundo”.
Mas 100% mesmo ficou a confiança na Seleção com o placar e a apresentação.

0 comentários:

Postar um comentário

 
Editado Por: Blog do Joseilson Cidade: Santa Cruz/RN