Contrate a melhor banda forrozeiro do RN!

Contrate a melhor banda forrozeiro do RN!

Festa do Ano no Fama Casa Show


propaganda

Facheiros Motel

Mundial Fashion


QUEREM FICAR PERFEITOS ENTÃO O LUGAR CERTO É NA MUNDIAL FASHION. CAMISETA BÁSICA 24 REAIS MUNDIAL FASHION SHOPPING TRAIRI CENTER SANTA CRUZ RN

Vende-se terrenos; últimos lotes


Açougue AM Carnes

Açougue AM Carnes

Publicidade

Store Multimarcas


Espaço Confecções


terça-feira, 30 de agosto de 2016

CRIME: Falsa pesquisa eleitoral em Tangará é divulgada em áudio nas redes sociais

institutoCom a aproximação das eleições municipais de 2016 no município de Tangará, as especulações em torno do nome favorito para ganhar a disputa eleitoral para prefeito da cidade ganha corpo a cada dia.
O que chamou a atenção nos últimos dias foi um áudio em um grupo de WhatsAPP dando conta que o candidato a prefeito Jorginho teria feito uma pesquisa e estaria na frente do seu concorrente, onde resolvemos investigar os fatos.


Em contato com o Instituto SMART, este que consta no áudio, como a possível empresa que fez a pesquisa, a mesma nos respondeu por e-mail, que não teria registrado qualquer pesquisa na Cidade de Tangará, como mostra no print abaixo:
Ainda perguntado se o instituto teria feito alguma pesquisa nos últimos 10 dias na cidade, a mesma ainda não nos retornou com a resposta, até o fechamento desta matéria,
Portanto, a pesquisa que circula na cidade de Tangará, não passa de BOATOS, para tentar confundir os eleitores indecisos da cidade.
A coligação que sentir-se prejudicado, deve acionar a justiça eleitoral para que casos dessa natureza não volte a acontecer.
Em resumo, não EXISTE PESQUISA REGISTRADA ATÉ ESTA DATA PARA O MUNICÍPIO DE TANGARÁ, em nenhum instituto cadastrado junto ao TSE.
Crime
Segundo o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), a divulgação de pesquisa fraudulenta é crime punível com detenção de seis meses a um ano e multa que varia entre R$ 53 mil a R$ 106 mil.
Para divulgar o resultado de pesquisas sobre as eleições ou sobre possíveis candidatos, as empresas ou entidades são obrigadas a registrar cada pesquisa no Juízo Eleitoral ao qual compete fazer o registro dos candidatos, com os dados previstos em lei e nas resoluções expedidas pelo TSE.
É importante que o eleitor verifique, no site da Justiça Eleitoral, se a pesquisa divulgada foi ou não registrada. A consulta pode ser feita no link: http://www.tse.jus.br/eleicoes/eleicoes-2016/pesquisas-eleitorais/consulta-as-pesquisas-registradas.

Blog Tangaraense

0 comentários:

Postar um comentário

 
Editado Por: Blog do Joseilson Cidade: Santa Cruz/RN